BRASIL, Mulher, que acredita que... nada é por acaso.

 

   

    Receitas da LuLu
  Fotoblog da LuLu na Italia
  Fotos da LuLu (no msn)
  Gazzag da LuLu
  Expertise
  Terra Brasilis
  O Escriba
  Melodia Infinita
  Vira-lata
  1/2 Bossa Nova e RocknRoll
  Audrey Nao Era Normal
  Pra gente ser feliz
  In ou Out
  Astronomy Picture Of The Day
  Desobjeto
  Pirata Zine
  Eu na Austria
  Vanhomrigh
  ETNA


 

 
     

       

     
    eXTReMe Tracker
       
     


    online
    casino games
     
     
    CaFôFo da LuLu



    Europe & Italy

    Vìdeo de Bruno Bozzetto

    Dica do blog Curto e Grosso



    Escrito por LuLu às 14:32
    [   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




    Mamma mia

    Minha mae esteve aqui comigo por 22 dias. Intensos. Passamos bons momentos nos curtindo em casa e também viajando, conhecendo monumentos, museus, ruinas, castelos, o Etna...

    Ela foi embora ontem e jà deve estar chegando ao Brasil nesse exato momento enquanto escrevo esse post. Sua passagem por aqui agora marca presença em minha casinha na Italia e ilumina essa nova fase da vida. Sinto muita saudade jà. Muita.

    Nada serà como antes.

     

    Foto By LuLu na Italia ..............................................................................

    Panorama visto do alto do Castelo Normano - AciCastello - Catania - Sicilia - Italia

     

    Dedico a ela esse trecho de uma poesia de seu autor e poeta preferido:

     

    - Rabindranath Tagore -

     

    " Ela está perto de meu coração, tão linda quanto uma flor no jardim; é suave, como é o descanso para o meu corpo. O amor que lhe tenho é minha vida fluindo plena, como corre o riacho nas manhãs de outono, em sereno abandono. Minhas canções são únicas como meu amor, como é único o murmúrio de um rio que canta com todas suas ondas e correntes."



    Escrito por LuLu às 16:09
    [   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




    PQP!!!!!

    AAAAAAAiiiiiiiiiiiiii!!!!!!

    $%&$£*§%£%* !!!!!!!!!!!

    Ta foda!!! Com PH.. phodaaaaaaaa!

    Desculpa aì o desabafo chulo.. mas a coisa pro meu lado tà, como diziam antigamente, tà russa, tà soviética, tà muito complicada, viu?

    PelamordeDeus, alguém me ensina um remédio, uma mandinga, uma garrafada, um milagre qualquer pra parar essa merda que todo mes me transforma num monstro hydiano terrivel de sete cabeças!

    Que vontade de chorar, de sumir, de explodir, de morrer, de matar!!!!!!!

    Sem explicaçao, sem noçao total!!

     

    Jà nao chamo mais nem de TPM chamo de PQP, mesmo!

    Escrito por LuLu às 04:08
    [   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




    Entre a Luz e a ignorancia

    Paradoxalmente à minha busca interna de maior consciencia, por caminhar de alma nua, livre, com os pés descalços, me incomoda o encontro com a realidade dura que me fere a pele a cada passo.

    Bem, verdade que sinto bem mais a brisa morna, o vento nos cabelos o perfume das flores... mas, ainda assim dòi.

    ______________________________________________

    Um texto emprestado do blog amigo, O Escriba que ilustra o que sinto:

    QUANDO SE TEM DOUTORADO:

    O dissacarídeo de fórmula C12H22O11, obtido através da fervura e da evaporação de H2O do líquido resultante da prensagem do caule da gramínea Saccharus officinarum, (Linneu, 1758) isento de qualquer outro tipo de processamento suplementar que elimine suas impurezas, quando apresentado sob a forma geométrica de sólidos de reduzidas dimensões e restasretilíneas, configurando pirâmides truncadas de base oblonga e pequena altura, uma vez submetido a um toque no órgão do paladar de quem se disponha a um teste organoléptico, impressiona favoravelmente as papilas gustativas, sugerindo impressão sensorial equivalente provocada pelo mesmo dissacarídeo em estado bruto, que ocorre no líquido nutritivo da alta viscosidade, produzindo nos órgãos especiais existentes na Apis mellifera.(Linneu, 1758) No entanto, é possível comprovar experimentalmente que esse dissacarídeo, no estado físico-químico descrito e apresentado sob aquela forma geométrica, apresenta considerável resistência a modificar apreciavelmente suas dimensões quando submetido a tensões mecânicas de compressão ao longo do seu eixo em conseqüência da pequena capacidade de deformação que lhe é peculiar.

     

    QUANDO SE TEM MESTRADO:

    A sacarose extraída da cana de açúcar, que ainda não tenha passado pelo processo de purificação e refino, apresentando- se sob a forma de pequenos sólidos tronco-piramidais de base retangular, impressiona agradavelmente o paladar, lembrando a sensação provocada pela mesma sacarose produzida pelas abelhas em um peculiar líquido espesso e nutritivo. Entretanto, não altera suas dimensões lineares ou suas proporções quando submetida a uma tensão axial em conseqüência da aplicação de compressões equivalentes e opostas.

     

    QUANDO SE TEM GRADUAÇÃO:

    O açúcar, quando ainda não submetido à refinação e, apresentando- se em blocos sólidos de pequenas dimensões e forma tronco-piramidal, tem sabor deleitável da secreção alimentar das abelhas; todavia não muda suas proporções quando sujeito à compressão.

     

    QUANDO SE TEM ENSINO MÉDIO:

    Açúcar não refinado, sob a forma de pequenos blocos, tem o sabor agradável do mel, porém não muda de forma quando pressionado.

     

    QUANDO SE TEM ENSINO FUNDAMENTAL:

    Açúcar mascavo em tijolinhos tem o sabor adocicado, mas não é macio ou flexível.

     

    QUANDO NÃO SE TEM ESTUDO:

    Rapadura é doce, mas não é mole não!



    Escrito por LuLu às 01:34
    [   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





    [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]